[1]
M. M. Zambom, “Aplicação do in dubio pro societate na execução penal: análise das decisões do Tribunal de Justiça de São Paulo sobre progressão de regime”, Rev. bras. segur. pública, vol. 16, nº 3, set. 2022.