As DEAMs, as corporações policiais e a violência contra as mulheres: representações, dilemas e desafios

  • Kelly Silva
Palavras-chave: Delegacia de mulheres, Violência, Corporações policiais, Metodologia

Resumo

Analisam-se as condições de funcionamento das Delegacias Especializadas no Atendimento às Mulheres (DEAM) em 2000, com basenos dados produzidos pela I Pesquisa Nacional sobre as Condições de Funcionamento das DEAMs. Indica-se que muitas das funçõesexercidas pelas DEAMs extrapolavam seu papel policial. Sugere-se que a fragilidade de suas infraestruturas físicas, tecnológicas e depessoal, na época da produção dos dados, era produto, sobretudo, das representações que circulam a seu respeito e dos crimes por elasapurados nas corporações policiais de que fazem parte. Exploram-se também os dados produzidos na pesquisa, no sentido de indicaros desafios metodológicos que impõem a totalização e comparação de informações em nível nacional, dadas as particularidades dasrotinas policiais em cada unidade da federação.

Biografia do Autor

Kelly Silva
Kelly Silva é doutora em antropologia social pela Universidade de Brasília. Professora do Departamento de Antropologia daUniversidade de Brasília e visiting fellow na Universidade Nacional da Austrália.
Publicado
2012-03-01