Polícia Comunitária: a estratégia de implantação do atual modelo

  • Carlos Alberto de Camargo

Resumo

A concepção e implantação da Polícia Comunitária eram parte importante do plano estratégico. A formulação do modelo e a maneira de implantação constituíam aspectos extremamente críticos da estratégia, uma vez que não se admitia falha, como diversas tentativas anteriormente falharam, em outras partes do país e do mundo. Também não poderiam se limitar a um plano de marketing organizacional, mas deveriam compor um projeto definitivo e de resultados. Assim, a Polícia Comunitária integrou o planejamento estratégico como filosofia e estratégia organizacional, viabilizando uma nova forma de parceria entre polícia e comunidade, sendo esta convocada e estimulada a participar, com a polícia, na identificação e priorização de problemas locais e na busca de soluções.

Biografia do Autor

Carlos Alberto de Camargo
Coronel da reserva da Polícia Militar do Estado de São Paulo - PMESP. Docente Emérito do Centro de Altos Estudos de Segurança da PMESP. Doutor em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública. Ex-comandante geral da PMESP.
Publicado
2015-10-02