A medição de desempenho no serviço de Perícia Criminal: proposição e aplicação em uma unidade pericial

  • Claudio Vilela Rodrigues
  • José Carlos de Toledo
Palavras-chave: Medição de desempenho. Gestão de operações de serviços públicos. Perícia criminal. Qualidade em Serviços públicos.

Resumo

A sociedade brasileira demanda serviços públicos de qualidade, incluindo o serviço de Perícia Criminal. Esse órgão produz a prova técnico-científica e carece de um instrumento de medição de desempenho, para auxiliar os gestores. O objetivo desta pesquisa foi desenvolver e implementar um instrumento de medição de desempenho que preenchesse esta lacuna na Perícia Criminal. Utilizou-se o método da pesquisa-ação em uma unidade pericial. O resultado foi a implementação de um instrumento de medição, que consiste em um indicador composto pelos seguintes indicadores: o percentual de laudos em atraso, percentual de laudos disponibilizados em relação aos exames requisitados e o número de reclamações por ano. O instrumento permite avaliar os peritos, as unidades periciais, os gestores e o órgão, e apresentou boa aceitação, por fazer sentido prático, possibilitar benchmarking e melhorias nas operações.

Biografia do Autor

Claudio Vilela Rodrigues
Professor do Ensino Superior nas áreas de Gestão de Operações e Administração Pública. Pós-Doutorando em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de São Carlos - UFSCar.Doutor em Engenharia de Produção pela UFSCar. Mestre em Administração pela Universidade Federal de Lavras UFLA. Graduado em Direito e Matemática.
José Carlos de Toledo
Professor Titular do Departamento de Engenharia de Produção e do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos - UFSCar. Doutor em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo - USP.Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ. Graduado em Engenharia de Produção pela USP.
Publicado
2017-03-08