A Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) como novo paradigma da segurança pública no estado do Pará

  • Alexandro Napoleão Santana Universidade Federal do Oeste do Pará
  • Jarsen Luis Castro Guimarães Universidade Federal do Oeste do Pará
Palavras-chave: Segurança Pública, Gestão Pública, Integração, Mediação de Conflitos.

Resumo

Este artigo discute o modelo de segurança pública adotado pelo estado do Pará desde 2011 e seu potencial para a não judicialização desnecessária de conflitos. Por meio de uma pesquisa bibliográfica e documental, além da aplicação de entrevistas semiestruturadas, foram analisados os aspectos relacionados à gestão pública estratégica do estado ao longo de um processo histórico de integração entre instituições públicas policiais e a Fundação Pro Paz, bem como a utilização da mediação extrajudicial de conflitos, que representa uma alternativa aos mecanismos repressivos. Neste contexto, foram contabilizadas as demandas e os resultados alcançados por um Núcleo de Mediação de Conflitos (NUMEC) instalado em uma Unidade Integrada Pro Paz (UIPP), na cidade de Santarém. Entre todas as demandas adequadamente registradas, mais da metade foi resolvida com sucesso. Portanto, mostrou-se relevante promover a investigação dessa política pública estadual, que tem por objetivo o estabelecimento de um novo paradigma de prevenção e enfrentamento da violência por meio da mediação e da aproximação estrategicamente planejada entre diversos órgãos públicos e a sociedade em um inovador padrão de unidade policial.

Biografia do Autor

Alexandro Napoleão Santana, Universidade Federal do Oeste do Pará
Bacharel em Direito pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Delegado de Polícia Civil do Estado do Pará, Docente do curso de Direito da UNAMA-Faculdade da Amazônia, Mestrando da Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA), Especialista em Direito Ambiental, Gestão de Segurança Pública, Direito Penal e Processo Penal.
Jarsen Luis Castro Guimarães, Universidade Federal do Oeste do Pará
Bacharel em Economia pela União das Escolas Superiores do Pará, Especialista em Educação Ambiental, Mestre em Economia Rural pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Doutor pela Universidade Federal do Pará, Professor Associado 1 da Universidade Federal do Oeste do Pará, diretor do Instituto de Ciências da Sociedade.
Publicado
2019-09-20