Graças ao apoio de diversas pessoas e instituições, com destaque para OSI Foundation, Fundação Ford e Ministério da Justiça, chegamos ao 10º número da Revista Brasileira de Segurança Pública. E, o mais relevante, chegamos a essa marca com periodicidade constante e sem nenhuma interrupção nesses quase seis anos de existência.Essa é uma vitória para um periódico científico e uma conquista do campo de estudos sobre segurança pública e polícias no Brasil. Nesse período, foi possível identificar que um grande volume de produção científica não possuía canais amplos de disseminação e a RBSP conseguiu ocupar uma posição privilegiada.Sem dúvida, se um balanço pode ser feito, a marca da RBSP foi a de criar um espaço de disseminação e, por meio dele, fomentar e aumentar a qualidade da produção técnica e científica da área. A RBSP cumpre um papel chave na articulação do conhecimento sobre polícias e políticas de segurança pública.Não à toa, nesta edição da RBSP, abrimos espaço para artigos que tratam do ensino policial, entre outros temas importantes da agenda da segurança pública brasileira. Por certo os desafios não são pequenos e exigem que a publicação esteja sempre conectada com a evolução das publicações científicas no mundo e, mais especificamente, aos objetivos que motivaram o Fórum Brasileiro de Segurança Pública a cria-la. Dito de outro modo, a publicação tem o desafio de se manter atual, rigorosa na avaliação dos artigos submetidos e, sobretudo, de se manter útil enquanto espaço de articulação e disseminação do conhecimento aplicado.Boa leitura!
Publicado: 2012-09-24

Entrevistas